Alex Silva na Meia

fonte: http://www.gazetaesportiva.net/nota/2010/01/26/619532.html

Com zaga lotada, A. Silva admite meio, mas descarta lateral

Felipe Collins Figueiredo, especial para a GE.Net – São Paulo (SP)

Mesmo que repatriado com status de tricampeão brasileiro e um nome forte para a defesa do São Paulo, Alex Silva terá que suar para conquistar sua vaga no Tricolor paulista. Isso devido ao excesso de jogadores na zaga do time do Morumbi. Para contornar a situação, o novo reforço pode até ‘garfar’ uma vaga em outra posição do campo.

O “problema” tricolor é o seguinte: hoje, o São Paulo tem sete zagueiros em seu elenco. André Luis, Xandão, Aislan, Renato Silva, Miranda, André Dias e o próprio Alex Silva, sendo que estes últimos três já passaram pela seleção brasileira, disputam inicialmente duas vagas no miolo da defesa do 4-4-2 de Ricardo Gomes.

O próprio treinador do São Paulo admitiu o excesso de atletas na posição, e explicou a contratação do novo reforço mesmo com o inchaço. “O Alex era uma prioridade nossa, e em um mês e meio nós nos afastamos, mas depois retomamos as negociações. Eu falei com ele enquanto ele estava se recuperando e brinquei ‘aproveita e fica logo’. O futebol é assim mesmo, a situação dele mudou e aproveitamos uma porta boa. Não da pra abrir mão de um jogador como o Alex”, disse Ricardo, também zagueiro quando jogador.

Mesmo com a forte concorrência e um esquema tático que restringe ainda mais as vagas da posição, Alex Silva acredita na titularidade e na boa concorrência. “Fomos felizes no passado no 3-5-2, mas no 4-4-2 não haverá problema, vim para ajudar, e volto mais maduro e experiente”, disse o jogador. “A gente vai fazendo nosso papel, e o bom é que aqui não tem essa de vaidade, vamos trabalhar bastante, eu, o André (Dias), o Miranda, para tentar uma vaga tanto no São Paulo quanto na seleção”, disse Alex.

“Lembro que eu e Miranda fomos convocados juntos para a seleção, o Miranda joga pela esquerda, eu pela direita, e o Dunga sempre leva dois de cada, então tenho esperança de jogar junto”, afirmou.

No entanto, a solução pode estar em um reposicionamento. Em uma temporada e meia no Hamburgo, o atleta atuou muitas vezes como volante, posição que de improvisado por necessidade passou a ser quase efetivo. Após se queixar de jogar no meio-campo na Alemanha, Alex agora não vê problemas de ser cabeça de área.

“Eu achava que nunca ia jogar como volante, mas joguei meia temporada lá (no Hamburgo) como volante e posso também jogar nessa posição”, disse Alex Silva, que embora hábil o suficiente para atuar no meio, não se mostrou confortável em outra função que já realizou no Tricolor. “Creio que me dei bem como volante, mas na lateral é mais complicado porque tem que descer toda hora”, concluiu o defensor, descartando atuar na posição mais carente no Morumbi.

No entanto, caso brigue mesmo por uma vaga no meio de campo, Alex Silva não encontrará vida fácil. Pois além da defesa, a posição de volante também está superlotada no Tricolor. Também são sete jogadores: Léo Lima, Cléber Santana, Hernanes, Richarlyson, Wellington, Rodrigo Souto e Jean, além de Zé Luís, de saída do clube.

Anúncios

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s