Comentário de torcedor

André dias foi embroa mesmo… no a comunidade do São Paulo no Orkut eu achei que era brincadeira do pessoal, mas infelizmente é relaidade.

Bom… o que podemos dizer é que foi uma perda para o São Paulo, mas se será bom para ele, que honrou a camisa do Tricolor por 4 anos e gritou é Campeão 3 vezes… Vá com Deus Guerreiro… e boa sorte… brilhe muito no Lázio!… preferia que fosse o Milan…

Anúncios

Boa sorte André Dias!

André Dias expõe tristeza por dar adeus ao Tricolor

São Paulo (SP)

O zagueiro André Dias não é mais jogador do São Paulo. Depois de o empresário do atleta, Gilmar Rinaldi, confirmar o acerto com a Lazio, o defensor expressou sua tristeza por se despedir do Morumbi, onde atuou por cerca de quatro anos e conquistou três títulos do Campeonato Brasileiro.

“É muito difícil sair e estou triste. Lógico que sei que é uma grande chance e com estabilidade financeira, mas é muito difícil sair de um lugar que a gente gosta tanto. Eu era muito feliz aqui. Mudar de uma hora para outra nunca é fácil, mas é uma mudança necessária, que me fará muito bem”, afirmou o zagueiro, ao site oficial do clube.

O zagueiro já está na Itália, e o vice-presidente de futebol são-paulino, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, enalteceu a transação. “Foi uma negociação surpreendente até para nos, só definida hoje (segunda). Foi bom para ele e para o São Paulo”.

Depois de disputar 197 partidas pela equipe do Morumbi, André Dias reconhece que esperava disputar pelo menos mais três jogos pelo clube.

“Faltou tão pouco para os 200 jogos que ficou até um gostinho amargo, pois gostaria muito de completar esta marca no clube. Mas Deus colocou este novo desafio em minha vida e tenho uma nova missão para cumprir. Então, saio feliz, de cabeça erguida, com a sensação de dever cumprido, mas deixando muitas saudades”, afirmou.

O jogador, que se acostumou a levar o filho Vinícius para os treinos no CT da Barra Funda, garante que se tornou um torcedor do Tricolor.

“Vou ser são-paulino para o resto da minha vida. O Vinícius também. Nossos corações vão estar sempre aqui com o clube”, concluiu.

fonte: http://www.gazetaesportiva.net/nota/2010/02/01/620495.html