Quem paga o pato?

Gomes sabe “quem paga o pato” em caso de eliminação

Luiz Ricardo Fini – São Paulo (SP)

As eliminações do São Paulo nas recentes edições da Copa Libertadores geraram uma forte pressão sobre o então técnico Muricy Ramalho, que foi demitido justamente depois da queda no torneio continental de 2009. Por isso, mesmo sem pensar na hipótese de um fracasso, o atual comandante tricolor, Ricardo Gomes, sabe a pressão que enfrentará no torneio.

“Claro que o torcedor está esperando pela Libertadores e, quando não tem resultado, quem paga o pato? O peso vem da história e das conquistas. Isso acontece em todos os clubes. Aqui, não pode ser diferente”, afirmou.

O presidente Juvenal Juvêncio já deixou claro que, em função da série de contratações para a temporada, haverá uma cobrança grande por uma boa campanha no torneio continental.

“Eu aceito (a cobrança), não tem problema nenhum. Ninguém acreditava que o São Paulo se classificaria para a Libertadores. Se ele quiser aumentar a responsabilidade, pode contratar mais”, sorriu, antes de elogiar. “Temos ainda Alex Silva, Fernandinho e Rodrigo Souto. Principalmente pela forma de jogar, o Fernandinho será importante, pois vai deixar o time mais rápido. Sem contar o Cicinho”.

O treinador está confiante no trabalho que vem realizando na temporada. O único fator a ser lamentado é a lesão de Dagoberto, que ficará três semanas no departamento médico.

“O time chega como eu queria, sendo que o único acidente no meio do caminho foi o Dagoberto. Foi uma falha mecânica, mas isso acontece. O importante é que conseguimos dar sequência de jogos aos atletas”, finalizou.

fonte: http://www.gazetaesportiva.net/nota/2010/02/10/621785.html

Pode estrear

Fonte: http://www.gazetaesportiva.net/nota/2010/02/09/621741.html

Cicinho é relacionado e pode estrear contra Monterrey

Luiz Ricardo Fini – São Paulo (SP)

O técnico Ricardo Gomes realizou um treino fechado na tarde desta terça-feira, mas evitou o mistério e deixou claro que deve repetir a base das rodadas passadas. Porém, pouco depois da entrevista do comandante, o São Paulo surpreendeu com a notícia de que o lateral direito Cicinho será relacionado para a partida contra o Monterrey, pela estreia da Copa Libertadores da América.

Assim que chegar ao Brasil, na manhã de quarta, o atleta seguirá direto para o CT da Barra Funda, onde ficará concentrado com o restante do elenco, presente no local desde segunda.

Cicinho será inscrito e, se tiver toda a documentação regularizada, poderá ficar à disposição do técnico Ricardo Gomes. Em entrevista à GE.Net, no início da tarde desta terça, o jogador afirmou que está 100%. A possibilidade maior é de que o atleta fique no banco de reservas e entre durante a partida, com Jean ainda como titular.

Depois do treino secreto desta terça, Gomes reconheceu que deve escalar um time sem surpresas. “Não dá nem para falar que a escalação só sai amanhã (quarta)”, brincou o treinador, reconhecendo que Cléber Santana deve ser o substituto do lesionado Dagoberto. Com isso, Marcelinho Paraíba será adiantado para o ataque.